O que fazer contra o assédio no trabalho

A maioria dos casos acontece contra o sexo feminino
A maioria dos casos acontece contra o género feminino

O assédio no trabalho pode ter um impacto devastador na saúde mental e física das pessoas que o sofrem. Ele pode levar a problemas de saúde mental, como ansiedade, depressão e stresse pós-traumático, e também pode afetar a saúde física, como problemas de sono e doenças cardíacas. Além disso, o assédio no trabalho pode afetar negativamente as relações pessoais e o desempenho no trabalho das vítimas, levando a dificuldades financeiras e profissionais.

O assédio no trabalho e a lei em Portugal

Em Portugal, o assédio no trabalho é proibido por lei e pode ser punido com sanções administrativas e penais. Segundo a lei Portuguesa;

  1. O que é assédio no trabalho? Assédio no trabalho é qualquer comportamento indesejado ou abusivo que cria um ambiente de trabalho hostil ou inseguro. Isso inclui assédio sexual, assédio racial ou étnico, assédio baseado em género ou orientação sexual, assédio por idade ou deficiência, entre outros.
  2. Qual é a lei que protege contra o assédio no trabalho em Portugal? A lei que protege contra o assédio no trabalho em Portugal é a Lei n.º 35/2004, de 29 de julho, que estabelece medidas de proteção contra o assédio no trabalho. Esta lei define o assédio no trabalho e estabelece medidas de proteção contra ele.
  3. O que fazer se sofrer assédio no trabalho? É importante reportar o assédio imediatamente ao seu chefe ou supervisor, ou ao departamento de recursos humanos da sua empresa. Se não se sentir confortável com essa decisão, pode reportar o assédio a uma autoridade externa, como o Instituto de Segurança Social, o seu sindicato ou a Autoridade para as Condições do Trabalho.
  4. Quais são as consequências para o agressor de assédio no trabalho? Se o assédio no trabalho for comprovado, o agressor pode enfrentar sanções disciplinares, incluindo a demissão, bem como sanções penais, dependendo da gravidade do assédio. Além disso, a empresa pode ser responsabilizada por danos morais e materiais causados ao funcionário que sofreu o assédio.

Qual é a lei que protege contra o assédio no trabalho no Brasil

A lei que protege contra o assédio no trabalho no Brasil é o Estatuto da Igualdade Racial (Lei n.º 12.288, de 2010), que estabelece medidas de proteção contra o assédio no trabalho. Esta lei define o assédio no trabalho e estabelece medidas de proteção contra ele.

Os efeitos do assédio no trabalho na saúde mental e física

O assédio no trabalho pode ter um impacto profundo na saúde mental e física das pessoas que o sofrem. Alguns dos possíveis efeitos do assédio no trabalho na saúde mental incluem:

  • Ansiedade: o assédio no trabalho pode levar a sentimentos de preocupação, medo e incerteza, o que pode levar a sintomas de ansiedade, como sudorífero, batimentos cardíacos acelerados e dificuldade em se concentrar.
  • Depressão: o assédio no trabalho pode levar a sentimentos de tristeza, desesperança e desinteresse nas atividades que costumavam ser prazerosas, o que podem ser sintomas de depressão avançada.
  • Stresse pós-traumático: o assédio no trabalho pode ser tão traumático que pode levar a sintomas de stresse pós-traumático, como flashbacks, pesadelos e dificuldade de concentração.

Os efeitos do assédio no trabalho na saúde física incluem:

  • Problemas de sono: o assédio no trabalho pode afetar a qualidade do sono das vítimas, levando a problemas de sono, como insónia e sono agitado.
  • Doenças cardíacas: o assédio no trabalho pode levar a níveis mais elevados de stresse, o que pode aumentar o risco de doenças cardíacas, como ataque cardíaco e derrame cerebral.
  • Outras doenças: o assédio no trabalho também pode levar a outras doenças, como diabetes e doenças mentais, devido ao stresse prolongado e ao impacto negativo na saúde mental.

Como o assédio no trabalho afeta a cultura e o clima do ambiente de trabalho

Assedio no trabalho muito prejudicial - o que fazer contra o assédio no trabalho
Um único caso pode afetar todo o grupo de trabalho

O assédio no trabalho pode ter um impacto negativo na cultura e no clima do ambiente de trabalho de várias maneiras. Alguns dos possíveis efeitos do assédio no trabalho na cultura e no clima do ambiente de trabalho incluem:

  • Diminuição da satisfação no trabalho e do comprometimento com a empresa: o assédio no trabalho pode afetar negativamente a satisfação no trabalho e o comprometimento das vítimas com a empresa, o que pode levar a uma diminuição da produtividade e a uma maior rotatividade de funcionários.
  • Diminuição da colaboração e da comunicação: o assédio no trabalho pode criar um ambiente de trabalho hostil e inseguro, o que pode levar a uma diminuição da colaboração e da comunicação entre os funcionários.
  • Aumento da tensão e do conflito: o assédio no trabalho pode levar a uma tensão e ao conflito entre os funcionários, afetando negativamente o clima do ambiente de trabalho.

O assédio no trabalho pode ter um impacto profundo na cultura e no clima do ambiente de trabalho. É importante tomar medidas para preveni-lo e proteger as pessoas que o sofrem. Isso pode incluir estabelecer políticas e procedimentos claros para lidar com o assédio, promover uma cultura de respeito e inclusão no local de trabalho e oferecer apoio e recursos legais para vítimas de assédio.

Protegendo-se e protegendo os outros de assédio no trabalho

Existem algumas medidas que pode tomar para se proteger a si mesmo e aos outros do assédio no trabalho. Algumas dicas incluem:

  • Conhecer e seguir as políticas e procedimentos da empresa para lidar com o assédio no trabalho.
  • Fazer denúncias de assédio no trabalho segundo as leis, políticas e procedimentos da empresa.
  • Sentir-se seguro em fazer denúncias, denunciar o assédio no trabalho às autoridades apropriadas, como o Departamento de Trabalho ou a Comissão de Igualdade de Oportunidades no Emprego.
  • Procurar ajuda de amigos, familiares e profissionais de saúde se estiver a ser vítima de assédio no trabalho.
  • Promover uma cultura de respeito e inclusão no local de trabalho e se recusar a tolerar o assédio no trabalho.
  • Educar-se sobre o assédio no trabalho e os seus direitos como trabalhador.
  • Ter um plano de ação em caso de assédio no trabalho, como saber a quem recorrer para obter apoio e proteção.
  • Ajudar os outros a denunciar o assédio no trabalho se eles se sentirem seguros em fazê-lo.

Como provar o crime de assédio no trabalho? (obter provas)

Assedio no emprego - o que fazer contra o assédio no trabalho
Assédio pode começar com atos que parecem inocentes

Provar o assédio no trabalho pode ser um desafio, mas existem algumas coisas que pode fazer para reunir evidências:

  1. Anote os detalhes: Tente registar tudo o que aconteceu, incluindo a data, hora, local, o que foi dito ou feito e quem estava presente.
  2. Converse com testemunhas: Se outras pessoas presenciaram o assédio, tente conversar com elas e peça que forneçam a sua versão dos fatos.
  3. Armazene mensagens: Se o assédio ocorreu por meio de mensagens de texto, e-mail ou outra forma de comunicação online, tente guardar essas mensagens como evidência.
  4. Fotografe ou grave o assédio: Se o assédio ocorreu de forma física, como toques ou agressões, pode tentar tirar fotos ou gravar o assédio, se isso for seguro e legal no seu lugar de trabalho.
  5. Reporte o assédio: É importante informar o seu supervisor ou um representante de recursos humanos sobre o assédio o mais rápido possível. Eles podem ajudá-lo a reunir evidências e a encaminhar o assunto para os canais adequados para tratamento.

Lembre-se de que, se se sentir ameaçado ou em perigo, deve procurar ajuda imediatamente, independentemente de ter provas ou não. Se não se sente seguro no ambiente de trabalho, pode procurar ajuda de uma organização de apoio ou de uma autoridade policial.

A importância de denunciar o assédio no trabalho

  • Ajudar a proteger a si mesmo e aos outros: denunciar o assédio no trabalho pode ajudar a proteger a si mesmo e aos outros de possíveis futuros atos de assédio. Isso pode incluir a implementação de medidas disciplinares ou de treino para ajudar a prevenir o assédio no trabalho no futuro.
  • Ajudar a promover uma cultura de respeito: denunciar o assédio no trabalho pode ajudar a promover uma cultura de respeito e inclusão no local de trabalho, o que pode beneficiar todos os funcionários.
  • Ajudar a garantir que a lei seja cumprida: o assédio no trabalho é ilegal e denunciá-lo pode ajudar a garantir que a lei seja cumprida e que os responsáveis sejam responsabilizados.
  • Ajuda a proteger a saúde e o bem-estar: o assédio no trabalho pode ter um impacto negativo na saúde e no bem-estar das vítimas. Denunciar o assédio no trabalho pode ajudar a proteger a saúde e o bem-estar das vítimas e promover uma recuperação mais rápida.

Como recuperar do assédio no trabalho

Os mesmos comportamentos são vistos de maneira diferente entre gêneros
Os mesmos comportamentos são vistos de maneira diferente entre gêneros
  • Procure apoio: é importante procurar apoio de amigos, familiares e profissionais de saúde durante o processo de recuperação. Eles podem ajudar a fornecer um ombro amigo, orientação e apoio emocional.
  • Cuide de si mesmo: é importante cuidar de si mesmo física e emocionalmente durante o processo de recuperação. Isso pode incluir praticar exercícios de relaxamento, comer uma dieta saudável e exercitar-se regularmente.
  • Descubra novas formas de lidar com o stresse: o assédio no trabalho pode ser muito stressante. É importante encontrar novas formas de lidar com o stresse, como os exercícios de relaxamento.
  • Encontre um novo trabalho se for necessário: se o assédio no trabalho for muito grave ou se sentir inseguro ou incómodo em retornar ao trabalho, pode ser útil procurar um novo emprego.

Recuperar do assédio no trabalho pode ser um processo difícil, mas há recursos e apoio disponíveis para ajudar a facilitar o processo. É importante lembrar que o assédio no trabalho não é culpa sua e não há vergonha em procurar ajuda e apoio durante o processo de recuperação.

Prevenindo o assédio no trabalho: Dicas e recursos para entidades patronais

Há algumas medidas que as empresas podem tomar para prevenir o assédio no trabalho.

  • Estabelecer políticas e procedimentos claros para lidar com o assédio no trabalho, incluindo um processo de denúncia e uma política de tolerância zero para o assédio.
  • Oferecer formação sobre assédio no trabalho para todos os funcionários, incluindo líderes e gerentes.
  • Promover uma cultura de respeito e inclusão no local de trabalho, incentivando a comunicação aberta e o respeito mútuo entre os funcionários.
  • Oferecer apoio e recursos para vítimas de assédio no trabalho, como terapia e orientação.
  • Tomar medidas disciplinares rápidas e eficazes quando o assédio no trabalho é denunciado ou detetado.
  • Educar-se sobre os direitos e as leis relacionadas ao assédio no trabalho.

Exemplos de frases usadas em contexto de assédio profissional

O poder institucional torna situações de assédio mais complicadas
O poder institucional de alguém torna situações de assédio mais complicadas
  1. “Se quiseres avançar na empresa, vais ter que me dar algo em troca.”
  2. “Só conseguiste este emprego porque és bonita(o).”
  3. “Não vou promover-te a menos que faças o que eu quero.”
  4. “Se não fizeres o que eu digo, vou tornar a tua vida um inferno aqui no trabalho.”
  5. “Deves estar a sentir-te sozinha(o), por isso estou aqui para te dar atenção.”
  6. “Se quiseres continuar a trabalhar aqui, vais ter que me atender quando eu quiser.”
  7. “Se não fizeres o que eu quero, vou espalhar boatos sobre ti na empresa.”
  8. “Se não fizeres o que eu digo, vou tirar-te do projeto em que estás a trabalhar.”
  9. “Só conseguiste este emprego porque és bonito/a, então vais ter que mostrar isso para mim.”
  10. “Tens que me agradar se quiseres avançar na empresa.”

Quantos tipos de assédio existem?

Assédio online tem crescido, afetando também o ambiente profissional
Assédio online tem crescido, afetando também o ambiente profissional

Existem vários tipos de assédio, incluindo:

  1. Assédio sexual: Qualquer ato de intimidade ou atenção sexual indesejada, como toques, comentários, gestos ou atitudes que são ofensivas ou desagradáveis.
  2. Assédio racial: Qualquer ato ou comentário que se baseie na raça, cor, etnia ou nacionalidade de uma pessoa.
  3. Assédio por orientação sexual: Qualquer ato ou comentário que se baseie na orientação sexual.
  4. Assédio por género: Qualquer ato ou comentário que se baseie no género de uma pessoa.
  5. Assédio por idade: Qualquer ato ou comentário que se baseie na idade de uma pessoa e que seja ofensivo.
  6. Assédio psicológico: Qualquer comportamento cujo objetivo seja intimidar, humilhar ou controlar uma pessoa de forma a afetar a sua saúde mental.
  7. Assédio online: Qualquer tipo de assédio que ocorra em plataformas virtuais, como redes sociais, chats ou mensagens de texto.
  8. Assédio profissional: É o tipo de assédio explicado neste artigo e que levam muitas vezes a faltas ao trabalho.

não deixe de ver

Leave a reply

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimos Artigos